Please enable JS

Blog

Home office: saiba o que pega bem e o que pega mal pedir e fazer

Home office: saiba o que pega bem e o que pega mal pedir e fazer

8 de junho de 2021 / Consultoria / por Comunicação Krypton BPO

Especialista em carreiras dá dicas de como lidar com situações comuns no trabalho em casa.

O home office foi um desafio para muitos profissionais, para não misturar a vida pessoal com o trabalho, e para as empresas, que se viram obrigadas a dar suporte às equipes para o modelo de trabalho.

Após alguns meses de atuação, as adaptações aconteceram, mas a noção de até que ponto o profissional pode se ausentar do trabalho remoto para tratar de situações pessoais, ainda causa confusão e desentendimento na comunicação entre as duas partes envolvidas.

Por isso, confira abaixo uma série de pontos analisados pelo especialista em carreiras, Antonio Batist, que são comuns no home office.

Posso falar que tenho que ir ao banheiro?

Algumas empresas têm breves pausas cronometradas de 10 minutos ou similares nos sistemas de controle de jornada. Outras são mais flexíveis, bastando que você diga que precisa se ausentar por alguns minutos, sem detalhar os motivos.

Observe se o trabalho possui prazo específico ou mais se é flexível e se sua ausência pode gerar danos (alguns trabalhos exigem resposta imediata do profissional). Os procedimentos no home office podem variar segundo o cargo, ramo da empresa, sistemas e acordos.

Em todo caso, convém verificar com a chefia quais procedimentos a empresa está adotando – algumas formalizam contratos, acordos específicos ou até lançam manuais – e combinar eventuais ausências.

Se estiver em reunião online, peça um minuto via texto, diga que precisa se ausentar, mas que voltará logo. Em seguida, feche sua câmera e microfone e vá. Evite sair sem avisar, não atrapalhe o áudio de ninguém e não exponha detalhes desnecessários.

Posso pedir para colocar comida para o cachorro?

Como o pet conseguia se alimentar antes do home office? Estar em casa não deve transformar o trabalho em um vendaval de interrupções. Combine tarefas com outras pessoas da casa: isso ajuda a ter foco durante o trabalho.

Organize melhor as tarefas, caso more só. Mas o ponto de partida sempre deve ser este: verificar quais procedimentos a empresa está adotando para o home office e combinar eventuais ausências com sua chefia.

Se estiver em reunião online, se não houver alternativa, peça um minuto via texto, feche sua câmera e microfone e vá cuidar do pet.

Posso participar de reunião com cachorro latindo ou bebê chorando?

Pode, mas é essencial tentar reduzir o barulho. Algumas alternativas são fechar seu microfone ou usar microfones que reduzam a captação de sons de outras direções, fechar a porta, ficar mais distante da fonte de barulho.

Barulhos intensos e recorrentes – e sem nenhuma providência por parte do trabalhador – não são um bom sinal.

Posso pedir para fazer um lanchinho?

Antes do home office, como você lidava com lanches e refeições durante o trabalho? Verificar quais procedimentos a empresa está adotando para o home office e combinar eventuais pausas e ausências com sua chefia é o melhor caminho.

Em relação a reuniões online, também é preciso bom senso. Antes do home office, você ficava saindo no meio para lanchar? Ficava lanchando na frente de todos durante as reuniões presenciais?

Posso não ligar a câmera nas reuniões?

É importantíssimo ligar a câmera sempre que possível, a menos que haja alguma orientação da empresa em sentido contrário.

Se houver motivo para não ligar (problema técnico, por exemplo), convém avisar. Timidez, olheiras e afins não são bons pretextos para não ligar a câmera.

Posso ficar com o microfone ligado?

O ideal é habilitar o microfone somente quando for falar (e conferir se ele está ligado quando estiver falando).

A captação indesejada de sons e outras interferências de áudio é uma das reclamações mais recorrentes em reuniões online e passa uma imagem de pouco profissionalismo, além de atrapalhar os demais.

Posso trabalhar fora do horário sem avisar a chefia?

Isso pode gerar hora extra, banco de horas, etc. Aqui entram em cena a CLT e os acordos. Muitas empresas seguem certa rigidez de horários e de outras normas, mesmo em home office. Outras são mais flexíveis, mas convém que a chefia esteja ciente sobre horários alternativos e outras exceções por parte do profissional.

Verifique quais procedimentos a empresa está adotando para o home office e combine possibilidades de eventuais exceções com sua chefia.

Posso mandar mensagens no grupo fora do meu horário?

Convém enviar mensagens apenas no horário de expediente. Mensagens fora do expediente, especialmente se forem cobranças sobre prazos e metas, podem vir a gerar efeitos (de psicológicos e jurídicos) indesejáveis.

Em todo caso, verifique quais procedimentos a empresa está adotando para o home office e combine eventuais exceções com sua chefia.

Posso falar sobre assuntos aleatórios no grupo de trabalho?

Convém evitar assuntos que não sejam o foco do trabalho. Comunicação leve e bem humorada é diferente de piadas sem fim. Consciência e espiritualidade são diferentes de discussões políticas intermináveis e chuvas de correntes.

Desabafos recorrentes, fulanização, fofocas e afins não deveriam ser o foco de um grupo de trabalho. Você quer se tornar o “tio do pavê” em pleno grupo de trabalho?

Posso comentar sobre trabalho no grupo nas minhas férias?

Assim como o home office não é férias, as férias não são home office. Pode-se fazer algum comentário isolado e pontual, mas só se for realmente indispensável.

Mas, você também pode trocar sua atitude de comentar sobre trabalho pela atitude de simplesmente apreciar suas férias.

Posso falar que preciso receber uma encomenda?

Pense no que você fazia para receber encomendas quando não estava em home office. Verifique quais procedimentos a empresa está adotando para o home office e combine eventuais ausências com sua chefia.

Em caso de estar em reunião, se não restar alternativa, peça um minuto (via texto), feche sua câmera e microfone.

Posso pedir uma pausa para resolver um problema doméstico?

Como os problemas domésticos eram resolvidos antes do home office? Quais problemas são urgentes e quais poderiam esperar um pouco? Verifique quais procedimentos a empresa está adotando para o home office e combine eventuais ausências com sua chefia.

Em caso de estar em reunião online, se for algo urgente e sem alternativas, peça um minuto (via texto), feche sua câmera e microfone.

Posso pedir uma pausa para preparar o almoço?

Como você lidava com o almoço antes do home office? Organizar as atividades de casa para que elas não prejudiquem o trabalho pode até parecer um “superpoder”. Mas isso é, na verdade, o mínimo que se espera de um profissional que não está mais perdendo horas diárias em engarrafamentos, por exemplo. Verifique quais procedimentos a empresa está adotando para o home office e combine eventuais ausências com sua chefia.

O especialista ainda alerta que as dicas em relação às reuniões online são para as que têm maior número de participantes ou nas quais o funcionário não é o condutor. Em caso de haver poucos participantes ou se o profissional estiver comandando a reunião, as restrições contra interrupções tendem a ser maiores.

Com informações do G1

Fonte: Contábeis

Posts relacionados

Pandemia intensifica uso da internet por brasileiros com mais de 60 anos; veja dados!

Pandemia intensifica uso da internet por brasileiros com mais de 60 anos; veja dados!

14 de junho de 2021 / Consultoria / por Comunicação Krypton BPO

5 dicas de gestão financeira para um 2021 melhor para sua empresa

11 de junho de 2021 / Consultoria / por Comunicação Krypton BPO

São as pessoas que fazem a diferença

11 de junho de 2021 / Consultoria / por Comunicação Krypton BPO

Matriz de Eisenhower: melhore sua habilidade de priorização de tarefas

10 de junho de 2021 / Consultoria / por Comunicação Krypton BPO

Método Kanban: como melhorar seu fluxo de trabalho e ser mais produtivo

9 de junho de 2021 / Consultoria / por Comunicação Krypton BPO
Como o RH pode fortalecer a marca empregadora?

Como o RH pode fortalecer a marca empregadora?

7 de junho de 2021 / Consultoria / por Comunicação Krypton BPO

abc